estamos no bairro jardim itu sabara rua 24 de agosto numero 190,prximo da av alberto pascualini

estamos no bairro jardim itu sabara rua 24 de agosto numero 190,prximo da av alberto pascualini

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

SILENT EMPIRE,A PROMESA DO DEATH METAL SC

Falamos com Ivan,umprodutor e  musico historico dentro do scenario catarinense que hj lidera a banda de death metal Silent Empire,pra nos falar um pouco da sua trajetoria da Silent e sua visao atual do metal nacional...


01-Pensar no Metal de Santa Catarina, é lembrar de Ivan Fábio Agliati, um cara que faz muitos anos que apoia o underground incansavelmente. Me conte da tua história, da tua trajetória, das tuas bandas... 
Ivan – Eu fui me interessar em tocar já muito tarde, por volta de 1994, muitos anos depois de ter contato com o Metal. E passei por muitas bandas, sem muitas pretenções ou falta de interesse dos integrantes. E alguns anos depois integrei bandas como Malice Garden, Forest of Demons, Warmagedoom, e fazendo projetos e atuando como membro convidado de outras bandas, e atualmente estou totalmente concentrado com a Silent Empire (https://soundcloud.com/silent-empire-1/ ) , com planos de lançar um full lenght até inicio de 2017, seguida de uma grande divulgação em shows, que já estão sendo previamente agendados
malice garden
forest of demons

Warmageddom
.

02- E na atualidade lideras a Silent Empire, uma banda que cresce dia a dia, me conta da história da banda... 
Ivan – Banda foi formada em 2010, após uma breve pausa nas atividades com a Warmagedoom, tendo uma pausa de 2011 até 2013 por falta de integrantes comprometidos, retomando como Duo no final de 2013. Atualmente estamos com uma formação totalmente focada em crescer, expandir nosso nome, gravar material inédito, e tocar sempre que estiver sob nossas condições e interesse, não estamos olhando pro lado. Não me importa em nada oque as demais bandas estão fazendo ou as tretas que falam sobre mim ou sobre a banda, pois se estão falando , é porque estão se preocupando com a gente. Traçamos as metas, sempre na procura por ótimas parcerias, desde a gravação, até a divulgação final, incluindo os produtores de shows, zines, distros, todos que nos apoiam, o fazem por estar ao nosso lado, tomando como suas verdades, as nossas. E tu, Sebastian Carsin tem uma parte fundamental , pois fizeste uma produção brutal e impecável, sendo sem sombras de duvidas, um dos melhores ou na minha opinião, o melhor produtor/engenheiro de som do Metal Extremo atual, basta escutar bandas que passaram pelo teu estúdio.


03-Me conta como foi a gravação do EP de estréia. Estas musicas são antigas ou foram compostas pra Silent Empire? 
Ivan – A gravação foi um pouco lenta, iniciando em meados 2015 e finalizando em 2016, devido a nossa logística e mudanças de formação, levamos 1 ano para finalizarmos, mas todas as musicas foram compostas exclusivamente para estar sob o nome da Silent Empire. A produção ficou totalmente Old School, orgânica, saindo de uma maneira como havíamos inicialmente planejado, pois foi captado com maestria a visão da banda, passando ao som, todo sentimento que envolve o estilo Death Metal. 



04-Sabemos que a banda tem CD físico, acha que ainda vale a pena, ou as bandas poderiam se consolidar divulgado simplesmente na internet? 
 Ivan – Sou da velha guarda, gosto de ter material físico, ler encarte, Ler as letras, ver os agradecimentos, a formação, todos os detalhes técnicos, olhar a capa, folear o encarte, ouvir no carro, mas admito que não sei se muitas bandas irão se manter nesse formato físico por muito tempo. Complemento a resposta, dizendo que sempre haverá fãs que irão comprar material físico, sempre terá essa procura, essa sede por Ter o CD ou LP.



05- Voltando ao passado, foste parte do Rapture Records, me fale dessa experiência. 
Ivan – Eu fui um dos idealizadores da Rapture Records la por volta de 2002, onde lançamos bandas promissoras, como Forest of Demons, In Torment, Warmagedoom e posteriormente muitas outras grandes bandas. Me desliguei por volta de 2008, pois não tinha tempo para me dedicar como deveria ser, por tanto me afastei, ficando sempre na divulgação, e obviamente em contato com as bandas do cast.

06- Steel Festival faz parte da tua vida, sabemos que hoje está de férias, mas pretende voltar? Como está a situação do underground em SC? 
Ivan – Faço parte de shows desde 2000, e em 2002 fiz uma nova parceria, criando o mítico Steel Festival( 2002 à 20015), sendo que por muito tempo teve edições mensais, trazendo bandas de todas as partes do Brasil, tendo inclusive uma edição onde você fez mesa para uma banda de Black Metal, a Berzabum por volta de 2005. Atualmente julgo quase inviável fazer shows aqui, pois o desgaste é muito grande, e o prejuízo é certo, além da qualidade e quantidade do publico ser muito baixa, mas não descarto a possibilidade de fazer uma edição em 2017, até porque preciso cumprir alguns compromissos de intercâmbios, e trazer bandas de amigos, das quais sou fã.


07-Quando podemos esperar um Full album da Silent Empire? Como andam as composições? 
Nossos planos estão culminando para gravar em dezembro, para lançamento em fevereiro(programação dos selos que estão envolvidos no lançamento), e as composições estão a todo vapor nos ensaios, pois nosso Modus Operandi funcionam melhor com as Jams ou quando eu chego com um esqueleto das musicas, e estamos atravessando uma boa fase, e isso contribui muito nas composições.

08-Quem quiser adquirir o material da banda como faz? 
Ivan – Para adquirir nosso material basta nos procurar pelas redes sociais ou mandar e-mail ( Ivan.agliati@hotmail.com ), que será feito, e nos shows estamos tendo uma boa procura também. 



09- Planos futuros e despedida.
Ivan – Nossos planos são ousados e bem planejados, como gravar nosso álbum completo, divulgar o máximo possível, sempre estando atrás de bons shows e parcerias certas, sem orgulho e rancor, apenas olhando pra frente, pois não estamos nessa por hobby ou moda, e sim pra fazer dar certo. E este trabalho de divulgação que estas fazendo é parte fundamental no crescimento da cena como um todo, sendo que a figura do Estúdio Hurricane é a tradição do melhor do Metal Extremo no Sul do Brasil, de onde sai petardos certeiros, com qualidade e padrão acima da média, pois é feito com conhecimento absoluto de causa. E você produtor de shows, olhe como nós da banda trabalhamos a divulgação dos shows em que tocamos ou temos parceiros envolvidos (bandas e outros produtores), preste atenção, pois é um grande diferencial. Obrigado pelo espaço, podes sempre contar comigo e com a banda.


quarta-feira, 27 de julho de 2016

CHUTE NO RIM 12 ANOS ININTERRUPTOS DE HARDCORE!!!



Ninguém pode duvidar que o RS é um grande celeiro de punk e Hardcore, historicamente rico e diverso. Um exemplo disso é a CHUTE NO RIM, uma banda que com uma estrada como poucas dentro da Região, é uma dedicação total ao underground, daquelas que vai e toca onde tem público, que quer ver eles (coisa que aqui na redação apoiamos com unhas e dentes). Lançaram. no ano passado um E.P dos mais movimentados no circuito nacional e com direito a formato físico. Com vcs ...Marlon Rodia

01- Conta um pouco da história da banda.
1 - CHUTE NO RIM é uma banda de HARDCORE /PUNK ROCK formada em 2004, na cidade de Alvorada, RS, a banda desde que saiu da garagem e pegou a estrada nunca mais a abandonou. Estamos em atividade a 12 anos sem parar, somos uma banda ativa no cenario independente, diferente de muitos a gente não só fala como faz, desde o início quando não estamos tocando estamos organizando shows, eventos, programas de radios etc... sempre inventando fazendo alguma coisa para somar no cenario underground, sempre com ajuda de amigos, bandas e coletivos parcerias do corre...
02- Como foi à composição, produção e gravação do CD?
2- As músicas são na maioria compostas pelo Pedro e por mim. Fazemos as letras e depois nos ensaios vamos metendo as bateras, mas quando sai a letra já temos em mente como vai ficar o som. O disco foi Gravado e mixado no recomendadíssimo Estúdio Hurricane, produzido pelo mestre Uruguaio Sebastion Carsin...
03- Sabemos que tem lançamento físico, coisa que nós achamos excelente, mas conta pra nós, como foi a experiência de ter CD com capa tudo direitinho e como foi a venda e vale a pena a banda ter CD ?
3- Sempre foi um sonho nosso de moleque gravar um disco, daí de repente você está abrindo o encarte e seu sonho esta em suas mãos... É surreal... Dizem que hoje em dia não se vendem tantos CDs assim e tal. Por um lado isso é verdade, mas por outro sempre tem alguém que gosta de ter o material, e vale muito apena ter o disco em mãos sim; principalmente pelo fato de a gente ser uma banda da estrada, por muito e muito tempo pegamos a estrada sem material nenhum, ai a galera pedia e não tínhamos, e sentíamos que ficava faltando algo nos roles, a parada é como um cartão de vizita mesmo, você vai tocar em uma cidade nova e sempre acaba voltando lá; por conta de deixar algum registro, como camisetas, CDs, adesivos, peatchs, botons e outros apetrechos que vendemos em nosso merch, isso sempre ajuda a banda ir para muito mais longe...

04- Como acha que se encontra a situação do hardcore extremo no Brasil, particularmente no Rio Grande do Sul?
4- Então sobre o hardcore extremo tem muita banda boa, e fazendo coisas interessantes, principalmente no RS, mais ainda existe muita estrela pra pouca constelação..
05- Planos futuros, já tem material novo? 5 – Pretendemos pegar estrada cada vez mais, conhecer lugares, cidades, comidas, fazer novas amizades, beber bastante, rir bastante, fazer roqueiragem, barulho pelo mundo a fora.... sim estamos em processo de composição e já temos 5 ou 6 sons prontos, mas o que falta mesmo é dim dim, mas logo logo estaremos gravando um material novo para galera....
06- A banda ainda tem material disponível? Quem tiver interesse como faz?
6 – sim ainda temos... quem tiver em interesse tem que colar nos shows, ou entra em contato no facebook da banda https://www.facebook.com/chutenorimofficial/ que mandamos pelo correio...
07- Despedida e palavras finais
7 – Obrigado pelo convite... o rock só acaba para quem desiste , unidos somos mais fortes, ontem hoje e amanhã ainda estamos aqui...




domingo, 17 de julho de 2016

Podemos considerar Exterminate hoje, como uma das grandes promessas do Metal Extremo Brasileiro, mesmo com integrantes não tão novos dentro do cenário musical,a banda conseguiu lançar um dos melhores cds dos últimos tempos.
Campeões de vendas, e com um show super brutal, estão encaminhados pra grandes conquistas a nível nacional e intrnacional...
Com vocês: EXTERMINATE




01- Me conta um pouco da história da banda até o momento atual.
R: A banda foi formada , em meados de 2005, com o propósito de executar um death metal extremo. Depois de algumas formações, em 2009 a banda lança sua primeira demo , intitulada INSANE FATE. Gravado e produzido no Studio Hurricane por sebaistian carsin. Em 2015 lançamos nosso primeiro cd de nome BURN ILLUSION, que também foi gravado e produzido por sebastian carsin, no Studio Hurricane.
Exterminate tem na sua formação atual:
Adriano Martini- guitarra e voz
Rafael lavandoski- guitarra
Marcelo Feijó- baixo
Sandro Moreira –bateria
02- Sabemos da excelente repercussão do álbum me conta como foi à composição, produção e gravação do mesmo?
R: Realmente o cd foi muito bem falado, e teve uma ótima repercussão.
Já tínhamos as musicas prontas, entramos para o Studio hurricane e juntamente com o produtor sebastian carsin , fizemos um grande cd. Tudo foi gravado na raça e no suor sob o olhar e mãos mágicas de sebastian carsin que fez o cd como queríamos. Gravar com o sebastian as coisas se tornam fáceis, pois ele tem um Studio bem equipado e sabe tirar o Maximo da banda.

03- Fomos informados de que o CD já está quase que esgotado, e já tá difícil de se encontrar, me conta da divulgação, de onde que teve mais resposta no Brasil e se tem planos de ser lançado internacionalmente. R: Fizemos uma tiragem de Mil copias, e hoje restam bem poucas. Nós mesmo da banda temos bem poucos, cianeto records já não tem mais e nem na Mutilation . Deve ter em outras distros , mas não sabemos quais. Não podemos dizer onde foi mais repercutido pois todos os dias alguém posta uma foto com o cd na mão falando que gostou, é em todo o Brasil. Estamos tentando lançar La fora, já tivemos algumas propostas mas ainda não fechamos nada.
04-Como acha que se encontra a situação do metal extremo no Brasil, e particularmente no Rio Grande do Sul?
R: O Metal Extremo esta em alta no Brasil existem muitas bandas fodas. Mas o Rio Grande do sul tem se destacado por incríveis lançametos. BLOOD WORK, BLOODY VIOLENCE, , SILENT EMPIRE,FINALLY DOOMSDAY,DECIMATOR, HORROR CHAMBER, REBAELLIUN. São tantas as bandas que não tem como o sul do brasil não se destacar.
05- Planos futuros, já tem material novo?
R: Já estamos fazendo as musicas novas, e já tem muita coisa adiantada, queremos terminas as musicas para que na metade de 2017 já possamos entar para gravar nosso próximo trabalho.

06- A banda, ainda tem material disponível? Quem tiver interesse como faz?
R: Ainda temos alguns CDs para vendas, temos camisetas. Quem tiver interesse em comprar, é só entrar em contato com alguém da banda ou na pagina oficial da banda.
WWW.faceboock.com/Exterminate
Marceloextremometal@hotmail.com

07- Despedida e palavras finais.
R: O Exterminate, agradece muito ao espaço cedido para nós, muito obrigado mesmo.
E que o pessoal comprem material das bandas, vão aos shows divulguem as bandas. Pois só assim as bandas conseguem se manter . valeuuuu


2015,o ano do metal gaucho...

2015, foi o grande ano pro metal extremo no Estúdio Hurricane.
Além de ter produzido bandas com material top a nível nacional e internacional, ajudamos algumas das bandas no lançamento do CD em formato físico, uma coisa que toda banda profissional tem que considerar.
Bloody Violence, Bloodwork,Psycophobia, A Sorrowful Dream, Dying Breed, In Torment, NonComformity, Exterminate e agora por último a Horror chamber que conta com o apoio do selo Extreme Zone, que faz a distribuição na Argentina e Uruguai, colocou de novo o Rio Grande do sul como um dos estados do Brasil que produz metal brutal de qualidade top, que agrada bangers de todo o mundo, e que continua crescendo.
Nos próximos meses pretendo compartilhar entrevistas com algumas dessas bandas, já que desde cedo tive essa paixão pelo fanzine, e é uma coisa que pretendo não abrir mão.





Fim da conversa no bate-papo

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

ASHES


ASHES e sem duvida uma das promessas do deathcore gaucho,terminamos no começo desse ano o ep deles chamado simplesmente de "zero" esta tendo uma resposta excelente,tanto nos reviews dos sites,quanto entre o pessoal do cenario undeground..
Fizemos uma entrevista com o grande Dudu,pra saber a como anda a banda...




1-conta a historia da banda,e a que banda pertenecia os integrantes

A Ashes teve inicio em julho de 2008 formada inicialmente com outros integrantes, e apenas eu (Dudu Paiva) naquela formação,que não durou muito,mas considero essa a formação inicial e principal pois foi dela que conseguimos gravar, fazer nosso primeiro show entre outras coisas.
A banda é formada por integrantes que já passaram por outras bandas de porto alegre, tendo assim uma vasta experiência anteriores com outros tipos de som e muitos shows na bagagem.

Ashes é:

Gabriel Mayer - vocal ( ex 6sicks6)
André Freitas - guitarra solo ( ex facão 3 listras e scream noise)
Adriano Costa - guitarra base ( ex cabala e fiend club)
Dudu Paiva - baixista ( ex rootsnr)
Leo Boeira Hatred – batera ( ex burning brain)

2-a banda se encontra promocionando o ep,fala dele

Recentemente concluímos nosso mais novo trabalho, intitulado ‘’ZERO’’, gravado no estúdio Hurricane. Estamos muito satisfeitos com o resultado, e ele está tendo uma grande aceitação por todos que escutem e blogs que já fizeram resenha sobre ele.

3-como ta e escena em poa,comenta ao respeito

A cena de Porto Alegre é uma coisa que oscila bastante, as vezes shows lotados e as vezes vazios, é realmente uma incógnita, muitos já desistiram pelo caminho, mas com persistência, trabalho e reconhecimento muitas bandas ainda conseguem um bom show e tem seu espaço garantido.

4-o que andam ouvindo ultimamente

Ultimamente andamos ouvido muitas coisas, vou citar algumas bandas:

THE JULIET MASSACRE
NECROPHAGIST
DYING FETUS
ALL SHALL PERISH
CANNIBAL CORPSE (clássica)
SLAYER (clássica)
JOB FOR A COWBOY (sempre)
ANNOTATIONS OF AN AUTOPSY
I DECLARE WAR
ATTILA
OCEANO
Entre muitos outros estilos e bandas.



5-mensagen pra quem lee

Queria agradecer a todos que de alguma forma apóiam a banda, comparecem ao show, baixam e ouvem nossas músicas ou apenas nos cumprimentam na rua e elogiam nosso som. Obrigado. Links : www.myspace.com/officialashes download ‘’ASHES - ZERO’’ - https://rapidshare.com/files/2681279682/Ashes_-_Zero__2011_.rar
alguns reviews da demo zero
http://whiplash.net/materias/demos/139748-ashes.html#.TpB_2JAeBXo.facebook
http://somextremo.blogspot.com/2011/09/ashes-zero.html